Crise do coronavírus reforça importância da liderança para os pequenos negócios, aponta Sebrae PB

Visão de futuro, comunicação eficaz e atitude inovadora são características fundamentais para um bom líder, destaca gerente da instituição

Palavra que costuma ser associada com o ato de dar ordens ou de exercer o papel de “chefe”, a liderança é uma característica que vai muito além da função de administrar equipes. Ela está relacionada, por exemplo, com a integração dos funcionários e o estímulo para que os colaboradores adotem posturas mais convergentes, buscando o atendimento das necessidades e objetivos comuns da empresa. Ações como essas são essenciais para o bom funcionamento e o sucesso de um negócio, especialmente em períodos de crise, como a provocada pelo coronavírus, que está exigindo das empresas novas estratégias e posturas adequadas com o novo cenário do mercado.

Diante desse desafio, a capacidade de liderança se torna não apenas importante, mas indispensável para a superação de obstáculos. De acordo com o gerente da Unidade de Gestão Administrativa e Logística do Sebrae Paraíba, Thiago Lucena, uma das principais funções de um líder é buscar o aprimoramento técnico constante dele mesmo e da equipe, estratégia que é essencial para esse momento.

“Em qualquer organização, independentemente do porte, a liderança sempre exercerá um papel fundamental. Nos pequenos negócios, em especial, os líderes assumem uma relevância ainda maior, pois, geralmente, atuam nas diversas temáticas da atividade empresarial, desde o planejamento estratégico até a operação de vendas, passando pelo marketing e comunicação, gestão financeira e de pessoal. Lidar com esses diferentes campos do conhecimento é um enorme desafio, que requer dedicação, disciplina e uma sede permanente de aprendizado”, explicou Lucena.

O gerente também pontuou que é responsabilidade do líder pensar o negócio a longo prazo. “É com uma visão de futuro que se consegue ser mais assertivo na definição de metas e no grau de esforço que cada momento vai exigir, mantendo o foco e a disciplina necessários”, acrescentou. Ainda falando sobre a importância da liderança para os pequenos negócios, o gerente do Sebrae Paraíba também destacou que, em períodos de crise, o bom líder precisa transmitir equilíbrio e serenidade aos membros da equipe. 

“Nesses momentos, é importante que as lideranças analisem os diversos cenários, buscando superar as ameaças que se apresentam e encontrar novas oportunidades para alavancar seu negócio. Sobretudo nos momentos de dificuldade, as pessoas buscam referências confiáveis para ajudá-las na travessia. O líder deve ser esse guia capaz de estimular o que há de melhor em cada um dos seus liderados e direcioná-los para o propósito comum”, afirmou. Por fim, Thiago Lucena ressaltou as características mais importantes para que o empreendedor seja um bom líder, atendendo as necessidades da empresa.

“Comunicar-se de forma eficaz com clientes, fornecedores e a sua equipe é determinante para o alcance dos resultados esperados. Outra habilidade de quem exerce a liderança é o poder de decisão, no sentido da capacidade para decidir e assumir o protagonismo que se espera do líder. Além disso, a liderança em uma crise também exige criatividade e atitude inovadora, já que ela representa um momento de ruptura nos padrões. Ou seja, a habilidade de se reinventar em face dos novos desafios constitui uma das características mais valiosas de um líder”, explicou o gerente, ao concluir que a liderança bem preparada deve assumir as responsabilidades e se posicionar ativamente no enfrentamento das dificuldades.